E-mail: contato@agenciatabletshouse.com.br | Tel: +55 11 4305.9365 | +55 11 4305.9535 | +55 11 9 7645 8876  

Chanceler alemã, Angela Merkel, testa tablet na feira de tecnologia Cebit, na Alemanha;

Começou hoje, em Hannover (norte da Alemanha), uma das maiores e mais longevas feiras de tecnologia do mundo, a Cebit. Surgido em 1986 (antes da web), o evento atrai empresas como Microsoft, Samsung, Google, IBM, Asus e Dell, que disputam os holofotes da imprensa internacional até sábado (9).

chanceler

Além de gigantes da tecnologia, a Cebit também é palco do campeonato mundial Intel Extreme Masters, que faz parte da Electronics Sports League, a mais importante promotora desse tipo de competição no mundo.

Durante os cinco dias da feira, a elite dos jogos eletrônicos batalha por quase R$ 500 mil. Neste ano, os times vão competir nos jogos “StarCraft II: Heart of the Swarm” e “League of Legends”. A equipe paiN gaming representa o Brasil no campeonato que será transmitido para mais de 180 países.

PROMESSAS

A Cebit também promove neste ano uma premiação para start-ups (empresas em fase inicial de operação). Companhias iniciantes de 35 países se inscreveram para apresentar projetos de tecnologia no uso de energia alternativa. Os vencedores levam R$ 40 mil.

“Temos que garantir que iremos desenvolver uma cultura de start-ups”, disse ontem a chanceler alemã, Angela Merkel, durante a cerimônia de abertura de feira.

“A indústria de TI é, sem dúvida, uma possibilidade, e um dos meus sonhos é dar as mesmas condições de financiamento para todas microempresas de TI em toda Europa”, afirmou.

O setor de tecnologia alemão prevê crescimento de 1,4% para 2013 –menos do que os 2,2% de 2012. Já o país espera crescimento de apenas 0,4% para este ano.

alema

GIGANTE

Economia compartilhada (ou “shareconomy”) é o tema da Cebit neste ano. A ideia é que a programação de palestras e encontros reflita o debate –já antigo, mas que desperta cada vez mais curiosidade no meio de soluções corporativas– sobre plataformas de compartilhamento e de colaboração na web.

A feira está espalhada por 450 mil m², recorde entre eventos do setor. Para facilitar a visitação, a Cebit se divide em quatro partes. O maior número de estandes fica na categoria “Pro”, com lançamentos de produtos digitais. O setor “Lab” abriga projetos futuristas; “Life” dá exemplos da aplicação das novas tecnologia no dia a dia; e “Gov” reúne possibilidades para o setor público.

tablets chanceler

Cerca de 4.100 expositores marcam presença. O Brasil está representado por 17 companhias. O país-parceiro da feira neste ano é a Polônia, com mais de 70 companhias.

No ano passado, a feira teve cerca de 350 mil visitantes, mais do que a CES (Consumer Electronics Show), em Las Vegas, e a Mobile World Congress, de Barcelona, juntas. De acordo com a organização, a previsão é repetir o público do ano passado.

Deixe seu Comentário

Digite os números *